Apresentação de maracatu durante a Hora do Planeta 2015 em Recife<br />© Divulgação/Prefeitura Municipal de RecifeO ícone a ficar no escuro por sessenta minutos em Recife, capital do estado de Pernambuco será novamente a Praça do Marco Zero, um dos pontos de referência do município e que, em 2015, foi palco também para um evento que teve a Hora do Planeta como tema. O Termo de Adesão foi assinado pela Secretária de Meio Ambiente da capital pernambucana, Maria Aparecida Pedrosa. A Hora do Planeta 2016 acontece no dia 19 de março (sábado), entre 20h30 e 21h30, com realização do WWF-Brasil

A adesão foi destaque no jornal Diário de Pernambuco, em texto que menciona também a participação de outras capitais – Boa Vista (RR), Porto Alegre (RS), Rio Branco (AC), Vitória (ES) e Palmas (TO), entre as já confirmadas – e cita municípios Brasil afora que já enviaram seus termos. 

E temos mais Nordeste na Hora do Planeta 2016. A cidade de São José de Ribamar, no estado do Maranhão, também mostra engajamento ao listar cinco ícones: a Prefeitura Municipal, as sedes das secretarias municipais, o santuário de São José de Ribamar, o Parque da Cidade e a Praça Verde. Além disso, também comunicou que está mobilizando a população e os comércios locais para tornar a Hora do Planeta ainda mais abrangente por lá. 

Como as cidades podem participar?
Para participar da Hora do Planeta 2016, as cidades brasileiras devem entrar em contato pelo e-mail cidades@wwf.org.br A partir deste contato, será enviado um Termo de Adesão que deve ser assinado por uma autoridade municipal, formalizando a participação no movimento. Ao realizar seu cadastro, o município também recebe o guia Como Participar – Governos, com dicas para envolver a comunidade e divulgar sua participação em mídias locais – além de recomendações quanto à segurança (como, por exemplo, não apagar a iluminação pública de ruas e avenidas). Todas as cidades brasileiras participantes são citadas em matérias e entrevistas aqui no site e nas redes sociais do WWF-Brasil.Monumento aos Pioneiros, que homenageia as primeiras famílias a chegarem ao estado de Roraima, ficará no escuro por 60 minutos na Hora do Planeta 2016<br />© Orib Ziedson/Prefeitura Municipal de Boa VistaNa medida em que a campanha para a Hora do Planeta 2016 vai avançando, as diferentes regiões do Brasil seguem marcando presença no maior ato global contra as mudanças climáticas – que acontece no dia 19 de março (sábado), entre 20h30 e 21h30 e tem promoção do WWF-Brasil em todo território nacional. A Região Norte já incluiu três capitais até o momento: Boa Vista (RR), Palmas (TO) e Rio Branco (AC).

A capital do estado de Roraima lista três ícones: o Monumento ao Garimpeiro – ponto de referência na cidade, localizado na Praça do Centro Cívico, em frente ao Palácio do Governo –, o Monumento aos Pioneiros – que homenageia as primeiras famílias a chegarem ao estado – e a Praça do Triângulo

Em Palmas, no Tocantins, serão apagadas as luzes do Palácio Rio Tocantins, edifício sede do Poder Judiciário do estado. Já o Termo de Adesão de Rio Branco, no Acre, foi assinado pelo próprio prefeito da cidade, Marcus Alexandre, e indica que ficarão desligadas por sessenta minutos todas as luzes que iluminam a fachada da sede da Prefeitura Municipal

Como as cidades podem participar
Sua cidade já está na Hora do Planeta 2016? Os municípios interessados devem entrar em contato pelo e-mail cidades@wwf.org.br A partir deste contato, será enviado um Termo de Adesão que deve ser assinado por uma autoridade municipal, formalizando a participação no movimento. Ao realizar seu cadastro, o município também recebe o guia Como Participar – Governos, com dicas para envolver a comunidade e divulgar sua participação em mídias locais – além de recomendações quanto à segurança (como, por exemplo, não apagar a iluminação pública de ruas e avenidas). Todas as cidades brasileiras participantes são citadas em matérias e entrevistas aqui no site e nas redes sociais do WWF-Brasil.
" />Apresentação de maracatu durante a Hora do Planeta 2015 em Recife<br />© Divulgação/Prefeitura Municipal de RecifeO ícone a ficar no escuro por sessenta minutos em Recife, capital do estado de Pernambuco será novamente a Praça do Marco Zero, um dos pontos de referência do município e que, em 2015, foi palco também para um evento que teve a Hora do Planeta como tema. O Termo de Adesão foi assinado pela Secretária de Meio Ambiente da capital pernambucana, Maria Aparecida Pedrosa. A Hora do Planeta 2016 acontece no dia 19 de março (sábado), entre 20h30 e 21h30, com realização do WWF-Brasil

A adesão foi destaque no jornal Diário de Pernambuco, em texto que menciona também a participação de outras capitais – Boa Vista (RR), Porto Alegre (RS), Rio Branco (AC), Vitória (ES) e Palmas (TO), entre as já confirmadas – e cita municípios Brasil afora que já enviaram seus termos. 

E temos mais Nordeste na Hora do Planeta 2016. A cidade de São José de Ribamar, no estado do Maranhão, também mostra engajamento ao listar cinco ícones: a Prefeitura Municipal, as sedes das secretarias municipais, o santuário de São José de Ribamar, o Parque da Cidade e a Praça Verde. Além disso, também comunicou que está mobilizando a população e os comércios locais para tornar a Hora do Planeta ainda mais abrangente por lá. 

Como as cidades podem participar?
Para participar da Hora do Planeta 2016, as cidades brasileiras devem entrar em contato pelo e-mail cidades@wwf.org.br A partir deste contato, será enviado um Termo de Adesão que deve ser assinado por uma autoridade municipal, formalizando a participação no movimento. Ao realizar seu cadastro, o município também recebe o guia Como Participar – Governos, com dicas para envolver a comunidade e divulgar sua participação em mídias locais – além de recomendações quanto à segurança (como, por exemplo, não apagar a iluminação pública de ruas e avenidas). Todas as cidades brasileiras participantes são citadas em matérias e entrevistas aqui no site e nas redes sociais do WWF-Brasil.Monumento aos Pioneiros, que homenageia as primeiras famílias a chegarem ao estado de Roraima, ficará no escuro por 60 minutos na Hora do Planeta 2016<br />© Orib Ziedson/Prefeitura Municipal de Boa VistaNa medida em que a campanha para a Hora do Planeta 2016 vai avançando, as diferentes regiões do Brasil seguem marcando presença no maior ato global contra as mudanças climáticas – que acontece no dia 19 de março (sábado), entre 20h30 e 21h30 e tem promoção do WWF-Brasil em todo território nacional. A Região Norte já incluiu três capitais até o momento: Boa Vista (RR), Palmas (TO) e Rio Branco (AC).

A capital do estado de Roraima lista três ícones: o Monumento ao Garimpeiro – ponto de referência na cidade, localizado na Praça do Centro Cívico, em frente ao Palácio do Governo –, o Monumento aos Pioneiros – que homenageia as primeiras famílias a chegarem ao estado – e a Praça do Triângulo

Em Palmas, no Tocantins, serão apagadas as luzes do Palácio Rio Tocantins, edifício sede do Poder Judiciário do estado. Já o Termo de Adesão de Rio Branco, no Acre, foi assinado pelo próprio prefeito da cidade, Marcus Alexandre, e indica que ficarão desligadas por sessenta minutos todas as luzes que iluminam a fachada da sede da Prefeitura Municipal

Como as cidades podem participar
Sua cidade já está na Hora do Planeta 2016? Os municípios interessados devem entrar em contato pelo e-mail cidades@wwf.org.br A partir deste contato, será enviado um Termo de Adesão que deve ser assinado por uma autoridade municipal, formalizando a participação no movimento. Ao realizar seu cadastro, o município também recebe o guia Como Participar – Governos, com dicas para envolver a comunidade e divulgar sua participação em mídias locais – além de recomendações quanto à segurança (como, por exemplo, não apagar a iluminação pública de ruas e avenidas). Todas as cidades brasileiras participantes são citadas em matérias e entrevistas aqui no site e nas redes sociais do WWF-Brasil.
">