Família e Amigos

A família de Lucas Ribeiro
O irmão caçula, o pai e a mãe com Lucas Ribeiro

– Foto: Acervo pessoal

Não é a toa que Lucas Ribeiro considera a sua família como uma das raízes mais profundas e também a base de sustentação para o que ele é e representa atualmente. Graças ao trabalho de seu pai Sebastião e da força e persistência de sua mãe Hacib, que batalharam muito pela vida de Lucas; sem esquecer da presença muito constante de seu irmão caçula Leandro.

Algo extremamente inusitado era motivo de atenção dentro da família: um garotinho com aproximadamente dois ou três anos aprendia a ler com uma grande facilidade, mas também tinha um problema que poderia ser muito grave no futuro, pois ele não conseguia falar de forma espontânea, ou seja, só falava quando lia.

A mãe de Lucas partiu para uma incessante corrida em busca daquilo que seria o tratamento que poderia determinar a vida de Lucas. Passando por várias clínicas de psicologia e fonoaudiologia, ela conhece uma especialista que seria um anjo na vida de Lucas: Mônica Viana de Brito.

Após cinco anos de intenso tratamento, aliado ao jardim de infância e à natação que fazia na época, o garoto foi sempre progredindo nos espaços em que freqüentava. E não é nada muito diferente do que estava acontecendo também no meio familiar. Amigos e parentes passavam a admirá-lo – e também estranhá-lo – de uma forma diferente.

Hoje, Lucas considera que sua família é o seu maior patrimônio na vida e que foi uma grande parte da base de construção do que ele é. Da mesma forma, ele vê nas amizades construídas uma forma de crescer cada vez mais no conhecimento e na interação com as outras pessoas.

Comunicado:

  • Por motivos pessoais e de segurança, o hotsite não fornecerá mais informações sobre a família de Lucas Ribeiro.